Editorial Boho Soul promove referências para noivas que buscam sustentabilidade e representatividade

Vem conferir um editorial lindo e cheio de significado!

Nós adoramos editoriais de casamento. Adoramos postar materiais incríveis, que possam te ajudar a criar o casamento dos seus sonhos. No post de hoje, você vai conferir um ensaio de casamento com estilo Boho. Para além da estética, a produção tem o objetivo de trazer representatividade e sustentabilidade. Duas questões que também são importantes para o universo dos casamentos, vem conferir! 
Mariée

Boho Soul

Mariée
Segundo a produção do editorial, o projeto tem a proposta de ir além das referências e estilos: 

Boho Soul possui missão que ultrapassa os horizontes do mundo dos casamentos”.


“O editorial carrega propósito maior do que ditar tendências e estilos, falamos aqui sobre sustentabilidade e representatividade”. 
“Trazemos reflexão sobre a responsabilidade e o nosso papel de sermos quem somos e executar o trabalho que possuímos”. 

Mariée
“Boho então deixa de ser apenas a nossa marca registrada e passa a ser a voz que encontramos, para falar sobre nossas causas e consciências que queremos disseminar”.
Mariée

Decoração sustentável

Toda a decoração foi construída sem a utilização de nenhuma espuma floral, seguindo a companha internacional #nofloralfoam e evitando a maior contaminação dos oceanos
com os microplásticos derivados do produto. 

As velas são de origem vegetal e
substituem a parafina derivada do petróleo. A utilização das flores e folhagens
desidratadas já é processo comum, porém ganha ainda mais força pela possibilidade de
reutilização.
Mariée

Papelaria de casamento artesanal

Mariée
“A papelaria foi criada em um processo totalmente artesanal, feita em papel reciclado e papel de algodão. Layout boho minimalista com destaque na Protea, ilustrada à mão, combinando com a proposta da decoração”. 

“Atenção aos detalhes do lacre de cera dourado e as bordas artesanais, que ilustram que o sustentável, não é menos elegante.”  
Mariée
Mariée

“Atenção aos detalhes”

Mariée
Mariée
Mariée
Mariée
Mariée
Mariée
Mariée
Mariée
Mariée
Mariée

Sobre a representatividade

“Eu achava que o comum era o certo. Mesmo que eu não me enxergasse nele: o casamento branco.” 

“Meu sonho é casar e poder vivenciar isso, foi incrível. Mais do que vivenciar, me ver inteiramente naquilo foi especial. Me senti em casa. Além do ambiente que proporcionou paz, percebi que as pessoas que estavam ali é que construíram aquele ambiente. Respeitaram e permitiram que fossemos nós.

 “Adriana Viana, uma assessora preta. Entendeu as minhas necessidades, sem ao menos eu precisar falar. Chamaria isso de ‘conexão ancestral’. Ela sabe que batom muito claro na minha pele não vai funcionar. Ela sabe que cabelo cacheado não se penteia. Ela sabe que no fim, a gente sempre se resolve.”  
Mariée

Inspirações pretas

“Imagino quantos casais pretos poderão ser influenciados por este editorial. Quantas mulheres pretas se sentirão inspiradas a tornar este dia ainda mais especial, e definitivamente, do seu jeito. Nos privaram de amar o nosso semelhante. De dar e receber afeto”.

“Ter inspirações pretas nos fazem continuar acreditando que nossa ancestralidade tem potência e que temos o dever de ter e sonhar com o amor.” Conta Mayara Rosa.  
Mariée

“Ter inspirações pretas nos fazem continuar acreditando que nossa ancestralidade tem potência e que temos o dever de ter e sonhar com o amor.”

Mariée
Mariée
Mariée
Mariée
Mariée
Mariée
Mariée
“É essencial um trabalho que fotografe casais pretos”.

“Nossos imaginários são construídos a partir de uma lógica em que o relacionamento de pessoas pretas não dão certo.”

“Desconstruir essa crença fazendo com que casais pretos se vejam é o primeiro passo de uma sociedade menos racista”.  
Mariée
“O trabalho foi tão profissional que fez com que o real se confundisse com a arte. Os profissionais são tão competentes, que fizeram o casal se sentir bem em mostrar o seu amor em público, para ser registrado”.
Mariée
Mariée

“Observei o editorial como um quadro onde cada artista pincela sua parte com o sensível toque de sabedoria que possui, fazendo assim, da arte, uma composição compartilhada de saberes”.

Mariée
Mariée
Mariée
Mariée
Mariée
A assessora Adriana Viana contou um pouquinho sobre a importância da representatividade: 

“Hoje, representatividade, vem do ato de sentir-se representado, por alguém ou movimento mais influente, geralmente nas grandes mídias. Representatividade é, também, a qualidade de nos sentirmos representados por um grupo, indivíduo ou expressão humana, em nossas características, sejam elas físicas, comportamentais ou socioculturais”. 


“É por meio desta qualidade que nos sentimos parte de um grupo, pertencentes a ele, compartilhando experiências, impressões, sentimentos e pensamentos com seus membros.”  
Mariée

“É por meio desta qualidade que nos sentimos parte de um grupo, pertencentes a ele, compartilhando experiências, impressões, sentimentos e pensamentos com seus membros.”

Mariée
FICHA TÉCNICA:

Idealização & Vestido: @natkatbridal 

Acessórios Noiva:
@ateliergirardi & @grattoniflores 
Almofadas: @molahstudio
Assessoria: @afrowedding_ 
Beleza: @paullo_makeup
Bolo: @gifavarati 
Casal: @mayaraa_rosa & @rafael.ooliveira
Decoração: @bohemianvillage.art 
Espaço: @villamandacaru 
Filme: @insaneweddingfilms 
Fitas: @carretelfitas 
Foto: @ga.oficial 
Gastronomia: @miscellanybuffet 
Lapela: @boutonnierelapelas 
Louçaria: @ritzfestas 
Mobiliário: @lunikalocacoes 
Papelaria: @vemverosolnascer
Roupa de mesa: @lunatabledecor 
Traje noivo: @vgdandis 
Mariée
Mariée
Gostaram do editorial?

Nós acreditamos muito em trabalhos como esse, que vão além das referências. Que desejam uma transformação na sociedade! E você? Conta para a gente o que achou!
Siga-nos no

Acesse nosso guia de fornecedores

“Encontre o Profissional ideal para seu Casamento ou Evento!”

Compartilhe

Previous
O que é Verdade e o que é Estratégia de Marketing no Mundo dos Cosméticos
Editorial Boho Soul 
promove referências para noivas
que buscam sustentabilidade e representatividade