Casamento Boho Chic na Serra Gaúcha {Gabi & Gui}

Um casamento boho chic na serra gaúcha repleto de detalhes inspiradores!

Gabi e Gui se casaram em Garibaldi, no Rio Grande do Sul, e contaram com a organização impecável da PETIT WEDDING. Eles também tiveram que adiar o casamento, e assim como muitos noivos que escolhem casar ao ar livre, eles partiram para o plano B, já que no dia do casamento choveu. E foi lindo, emocionante e especial!

Quem registrou cada momento desse dia foi o EDUARDO FIN FOTOGRAFIA. Vem se inspirar!

Casamento Boho Chic na Serra Gaúcha
Fotos: EDUARDO FIN FOTOGRAFIA

O começo da história

Gabi e Gui se conheceram através de amigos em comum, eles iam em festas juntos, logo começaram a namorar e não se separaram mais. E desde então, já fazem quase 9 anos que eles estão juntos <3 

Momentos marcantes

Tantos anos juntos renderam vários momentos marcantes! E a Gabi compartilhou com a gente alguns, como quando ela conheceu a sua sogra no começo do relacionamento: 

“Nós temos vários heheh, marcante/engraçado: foi nosso começo de namoro onde tive que levar meu marido, na época nem namorado era, para casa, após uma festa, e conheci minha sogra de pijama, inesperadamente.”  

Mariée

“Quando começamos a namorar nós não tínhamos muitas fotos juntos, o Gui nunca gostou de tirar fotos, ele sabia que eu queria muito, então um final de dia ensolarado ele me levou em um parque aqui da nossa cidade e fez um book comigo, tiramos muitas fotos”Fofo! 

“Ele também me ensinou a andar de skate na noite em que ficamos pela primeira vez.” 

Mariée

O pedido de casamento  

Gabi e Gui já haviam conversado sobre casamento, estavam morando juntos e sabiam que esse era um passo importante para eles. 

”Acho que foi em 2017, nós começamos a falar em casamento, e em 2018 quando fomos morar juntos que o papo ficou mais sério heheh o Gui sabia da minha vontade de dar esse passo tão importante.” 

Então para fazer o pedido, Gui preparou uma surpresa super romântica! 

“No dia 04/03/2019, era no carnaval, fomos para o sítio da minha família, que é o lugar que mais gosto de estar, na verdade que gostamos, o Gui preparou uma surpresa, tinha comprado uma espumante que eu adoro, montou uma mesa na varanda com jantar e lá, apenas nós dois, a luz do luar (foi bem romântico) ele me pediu em casamento.” 

Mariée
Amamos demais esse First Look com as madrinhas!

A organização do casamento

O casamento da Gabi e do Gui também teve que passar por adiamento, mas ter a PETIT WEDDING cuidando de toda a organização, deixou tudo mais tranquilo!

“Foi tudo muito tranquilo, pois quando escolhemos a data, que seria dia 20/02/2021, tivemos que adiar devido a pandemia, nós já decidimos com muita antecedência que a primeira coisa a ser feita era contratar uma cerimonialista, e ela foi fundamental pois cuidou de tudo, de cada detalhe, mesmo com o adiamento, ela nos conduziu, nos acalmou e deixou tudo organizado.” 

Mariée

Clique aqui e faça seu site de casamento grátis! 

A decoração de casamento boho chic

A noiva é arquiteta e o noivo é designer, muito bom gosto não poderia faltar nesse casamento, que contou com uma decoração no estilo boho chic com toque industrial em tons terrosos. Além disso, muitos objetos tinham uma história envolvida, tornando tudo muito mais especial.

Os noivos compartilharam vários detalhes dessa decoração inspiradora, vem ver!

Mariée

“Quando começamos a falar em casamento, eu já sabia como ia ser, nós temos os mesmos gostos, fizemos uma pastinha no pinterest e lá colocamos todas nossas ideias.”  

Ter uma pastinha com inspirações no Pinterest ou no Instagram é uma ótima ideia, assim todos conseguem visualizar e ter uma ideia de como o casamento será!

“No meu trabalho eu gosto muito de trazer uma arquitetura afetiva, no meu casamento isso não seria diferente, por isso muitos objetos tem histórias, queria que minha família fizesse parte da decoração também, pois somos muito unidos.” 

“Toda papelaria foi desenvolvida por mim e por meu marido, dentro do estilo do casamento, diria um boho chic com toque industrial. 

“Os sousplats foram feitos de crochê (eu queria que minha mãe tivesse feito, mas devido ao tempo que ela não dispunha, mandamos fazer) mas as franjas foram postas por mim, pela minha mãe e minhas tias, queria trazer a história da minha avó, que quando viva, fazia muito crochê (mãe da minha mãe)” 

“O suporte do número das mesas foi feito pelo meu pai e os troncos de madeira utilizados são do nosso sítio, foi com meu pai que nasceu meu amor pela arquitetura, as mãos deles eram fundamentais” 

“Os capins do pampa que foram usados no arco e nos arranjos, foram colhidos por mim e por meu marido e guardados na casa da minha mãe, quase um ano.” 

Mariée

“Passamos nossas ideias para nossa cerimonialista e nossa decoradora que entenderam muito bem o que queríamos, tudo foi escolhido por nós, com o toque e sugestão delas, elas organizaram tudo com muita leveza e da forma que eu queria. 

“Queria uma paleta em tons terrosos, flores secas com verdes acinzentados, objetos que trouxessem texturas naturais, vasos de barro, crochê, nossa pista de dança era a textura de sisal, elementos industriais, velas pretas, que ficasse simples e aconchegante. 

“Nossa cerimônia era para ter acontecido na área externa, com o lago e a casa antiga de fundo, era meu sonho, e foi deixado toda decoração na área externa até o último momento, mas minutos antes da cerimônia acontecer, começou a chover, infelizmente não pode ser da forma que sonhei, mas nós aceitamos, pois não temos controle disso, e Deus é quem sabe das coisas, minha cerimonialista organizou na parte interna da melhor forma possível, e foi tudo lindo, da forma que tinha que ser.” 

Mariée

O vestido de noiva perfeito

O vestido da Gabi foi um modelo delicado, romântico e fluído, feito à mão pela estilista CAMILA PALUDO.

“Quando comecei pensar em casar, sempre soube que meu vestido seria feito pelas mãos da Camila Paludo, primeiro porque ela tem uma sensibilidade sem igual para entender o que eu queria, o atelier da Camila foi projeto do meu escritório, e nesse processo criamos um laço e uma sintonia, tanto que eu digo que meu vestido tem um tanto de mim mas um tanto dela, construímos meu vestido juntas.”

Gabi é uma noiva perfeccionista, delicada, romântica, adora vestidos fluídos e queria um vestido que fosse a sua cara, que a representasse!

“Por isso optei por um vestido todo em tule, com tule bordado, laços em tule…”

Mariée

E como eu sou fã de uma memória afetiva e coisas exclusivas, a Camila bordou na barra do meu vestido o nome dos meu avós, minha tia e minha priminha, que são falecidos, queria que eles estivessem ao meu lado nesse momento, eu sabia o quanto eles amariam estar vivendo isso comigo, por isso foi a forma que encontrei de tê-los junto de mim e de homenageá-los.” – Amamos essa ideia de homenagear pessoas queridas <3

Mariée

“Meu vestido me representa em todos os sentidos, a Camila simplesmente arrasa.”

Mariée

A cerimônia de casamento 

Por conta da chuva, a cerimônia que iria acontecer ao ar livre aconteceu numa casinha semiaberta com vista pro lago, e foi lindo e emocionante!

Nossa cerimônia foi feita por uma celebrante, ela contou nossa história da forma mais linda, carinhosa e engraçada, todos os convidados se emocionaram e riram conosco, apesar de não ter sido como queríamos, na parte externa, foi feito em um espaço que é semiaberto, ainda dava para ver o lago e a casinha.”

Mariée
Mariée

“Difícil eleger um momento mais marcante, mas o momento que o Gui leu os votos, acho que foi o mais especial, mas também entrar com meus pais até o ‘altar’ optamos por nossos pais (pai e mãe) nos acompanhar, e para o Gui o mais marcante, foi quando entrei, quando ele me viu de noiva.”

Mariée
Mariée
Mariée
Mariée

A escolha dos fotógrafos do casamento 

Quem fotografou esse casamento maravilhoso foi o EDUARDO FIN FOTOGRAFIA! E a noiva compartilhou conosco um pouco dessa escolha <3

“Tivemos uma primeira experiência com o Eduardo e a Sabrina no dia em que fizemos nosso pré-wedding, eles nos deixaram a vontade, e entenderam como queríamos nossas fotos, não gostamos de fotos posadas, paradas, gostamos de movimento, espontaneidade, de capturar o momento que está em movimento, do inusitado, e não foi diferente no nosso casamento, eles tem sensibilidade de capturar além.”

“Foi incrível ter eles como nossos fotógrafos, desde o começo, sem mesmo conhecer eles pessoalmente, tínhamos certeza, que eram eles que iriam registrar nosso dia especial. 

Mariée
Mariée

A dica da noiva! 

E para finalizar, a Gabi deixou uma dica super importante para quem vai casar!

Acho que a primeira coisa é contratar uma cerimonialista, a organização é algo cheio de detalhes, fornecedores, orçamentos, são muitas coisas que podem virar um estresse se não tiver alguém por trás orquestrando tudo isso, vejo que os meses que antecedem o casamento, os noivos precisam curtir esse momento, e não ter preocupações, além disso acho fundamental ela estar na mesma sintonia que os noivos, para entender o que eles realmente sonham e buscam, assim como todos os fornecedores e prestadores de serviço.

Mariée
Mariée

Amamos compartilhar esse casamento aqui na Mariée!

Conta pra gente o que achou! <3

Siga-nos no

Quer encontrar outras histórias

Acesse nosso guia de fornecedores

“Encontre o Profissional ideal para seu Casamento ou Evento!”

Compartilhe