Não queremos crianças no nosso casamento. E agora?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Este assunto tira o sono de muitos noivos.

É cada vez maior o número de noivos que não imaginam sua festa com a criançada, principalmente os que terão uma festa ‘mais balada’. Este assunto tira o sono de muitos noivos que não sabem como lidar com a questão. Como abordar com o convidado, sem ser deselegante? Como por no convite?

Mariée

Não é raro nos casamentos encontrarmos crianças sem nenhum cuidado dos pais e que, acabam sendo inconvenientes em alguns momentos importantes como na cerimônia, no momento do brinde, na hora jogar o buquê e até na dança dos noivos que os pequenos tomam conta da pista. Realmente tem fundamento a preocupação com as crianças, mas especificamente ”as mais sapequinhas”. É um direito que os noivos têm e não quer dizer que não gostem de crianças.

Há que se concordar que as festas em geral não oferecem segurança adequada para as crianças. Há muitos cabos de energia passando pela festa, tecidos e velas por toda parte, na madrugada há cacos no chão, os estacionamentos são muito acessíveis e, portanto, a rua, e claro, não podemos esquecer-nos das piscinas, que tanto atraem os pequenos e estão presentes em muitos locais de festas como chácaras e casas adaptadas para festa. Tudo isso somado a alguns pais que não estão atentos, é um perigo. Enfim, temos dois caminhos.

1} AVALIAR CASO A CASO

O primeiro caminho seria avaliar caso a caso, sem nivelar a sua lista de convidados. Uma questão de bom senso, afinal, haverá na sua lista convidados que vêm de outras cidades e certamente precisarão vir com seus pimpolhos. Também muitas crianças são do núcleo principal da família cuja presença é inevitável, até pela diplomacia e evitar conflitos na família, certo?! Já para os convidados em geral que têm filhos pequenos é mais simples: basta colocar o nome do casal na caligrafia do convite (ex.: Fulano de Tal e Sra.). Ainda assim se o casal não entender o recado, no momento das confirmações de presença, delicadamente, isso pode ser deixado mais claro. Após essa avaliação de caso a caso, haverá um saldo bem reduzido de crianças no casamento. Mas calma! Ainda tem uma solução: criar um espaço kids com monitoras, atrações e comidinhas para elas. É um investimento em troca de tranqüilidade para os noivos e claro, os pais que aproveitarão mais sua festa.

2} CRIANÇAS DE JEITO NENHUM

Agora se os noivos não querem de forma alguma crianças no casamento e querem deixar bem claro, além da caligrafia no convite estar apenas o nome do casal, também podem acrescentar na parte inferior do convite, uma frase como essa: “Às crianças, bons sonhos” e espalhar a notícia com leveza, explicando o real motivo.

Mariée
Fotos: Shutterstock

Confira aqui algumas dicas de como entreter as crianças no casamento.

Siga-nos no

Acesse nosso guia de fornecedores

“Encontre o Profissional ideal para seu Casamento ou Evento!”

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Inscreva-se para receber as novidades

O que você acha?

Não há comentários ainda.

Inscreva-se para receber as novidades

Previous
Casamentos Famosos: Instagram
Não queremos crianças 
no nosso casamento. E agora?