Como escolher os padrinhos do casamento

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Veja algumas dicas para não errar nesta hora.

Decidido o local, o vestido, a decoração, mas e os padrinhos? Essa tarefa pode ser mais difícil do que se pensa. Quem convidar? Quantos casais? Separamos três dicas essenciais para não errar na escolha dos padrinhos no dia do casamento:

Mariée

– O espaço

O número de padrinhos deve ser proporcional ao local em que a cerimônia será realizada. Um número exagerado pode atrapalhar a cerimônia. Para os que não querem abrir mão de muitos padrinhos, a boa opção é separar os primeiros bancos próximos ao altar.

– Família ou amigos?

Não há uma regra para esta escolha, mas os noivos precisam tomar esta decisão juntos. O ideal é convidar pessoas amigas dos noivos, sejam elas da família ou não. Na hora da escolha, é legal optar por casais ou pares de amigos que façam parte da história dos noivos e que compartilhem da mesma felicidade.

Mariée

– Padrinhos que não se conhecem

Em situações como esta, é importante oferecer um encontro antes do casamento. Pode ser um almoço, um jantar, independente da confraternização, é interessante que os padrinhos se conheçam, assim, deixa a situação mais confortável. 

Mariée

E ai, gostou? Inspire-se!

Siga-nos no

Acesse nosso guia de fornecedores

“Encontre o Profissional ideal para seu Casamento ou Evento!”

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Inscreva-se para receber as novidades

O que você acha?

Não há comentários ainda.

Inscreva-se para receber as novidades

Previous
Aprenda a evitar as gafes mais comuns em convites de casamento
Como escolher os padrinhos do casamento