CATEGORIAS

 

16/05/19

As 5 piores gafes
em cerimônia de casamento

Conversamos com a celebrante Isabela Nicastro sobre o assunto!
Diário de uma Noiva

PRÓXIMO

Vestidos Com Saias estruturadas & Decotes em V: Coleção Berta 2020

ANTERIOR

Destination Wedding em Riviera Maya!

O momento da cerimônia pode ser um momento de pura emoção e .. de gafes. Quem aí não tem uma história cômica de algum casamento? Conversamos com a celebrante Isabela Nicastro, da SEM TRAVAS NO CORAÇÃO, para falar um pouquinho sobre o assunto e o que podemos fazer para evitar situações constrangedoras no seu grande dia! Vem conferir! 

As 5 piores gafes em cerimônias

Você acabou de ver uma imagem linda de uma cerimônia de casamento. Agora imagina que a pessoa escolhida para celebrar a união começa a falar umas coisas esquisitas, o padrinho percebe e começa a olhar para o outro e a mãe da noiva começa a acenar para noiva.. Ninguém quer que aconteça nada de errado durante a celebração, mas com certeza você deve ter uma história para contar! 

Conversamos sobre o assunto com a celebrante da  SEM TRAVAS NO CORAÇÃO, Isabela Nicastro. Ela é especialista em celebrações de casamento personalizadas e comentou sobre cada gafe cometida por aí. Já adiantamos que tudo tem jeito, viu? Nenhuma noiva precisa sair correndo na hora da celebração!
Crédito: @atelieartluz.wedding  

Gafe 1: Errar o nome dos noivos

"Isso acontece muito quando o celebrante não conhece os noivos! E acontece com padre, pastores e até mesmo celebrantes que não ficaram preocupados em criar uma relação com eles".

"É essencial criar uma sintonia com os noivos, na verdade com todos os fornecedores, mas com o celebrante ainda mais, pois é ele que vai contar a história do casal".

Isabela comenta que é muito importante que essa relação se construa antes do casamento. "Na SEM TRAVAS NO CORAÇÃO, eu sempre faço várias entrevistas com o casal. São momentos em que passo a conhecer a sua história e essência, que será apresentada lá na frente, diante de todos os convidados."
Crédito: @atelieartluz.wedding  

Gafe 2: Errar a história dos noivos

"Quando você cria uma empatia, uma sintonia com os noivos, quando você se dedica e passa a conhecer a história dos noivos, seja por entrevistas ou questionários, não tem como errar a história, pois você se envolve para poder contar como se fosse a sua!"


Crédito: @atelieartluz.wedding  

Gafe 3: Falar frases clichês que não tem nada a ver com o casal

Já foi num casamento em que o celebrante começa a contar "E o casal superou diversas barreiras para estar aqui, nesse momento!". É algo muito clichê, concorda? E se os noivos sempre tiveram uma relação tranquila?

"É a mais comum das gafes!  Além disso, ela não é cometida apenas por celebrantes e sim por padres e pastores também!"

"Geralmente eles não têm muito contato com os noivos, são contratados para aquele momento e muitas vezes dizem coisas desnecessárias e até mesmo ofensivas!".

"Já escutei casos de celebrantes religiosos falarem que quem se divorcia não vai para o céu, coisas dessa forma e os pais dos noivos são divorciados! Isso gera um climão, um constrangimento na hora da celebração".

Isa também cita frases consideradas antiquadas e até misóginas, como "mulher tem sempre que respeitar o seu homem", "abaixa a cabeça para o seu marido" não fazem sentido algum serem ditas durante a celebração.

"Num cenário em que a mulher ganha força, seu espaço, isso é uma afronta não somente para a noiva, que fica emburrada durante a cerimônia toda, mas também para as convidadas presentes".

Frases que remetem a relações passadas, traições inevitáveis do futuro marido também devem ser eliminadas do texto de qualquer celebrante.
Crédito: @atelieartluz.wedding  


Gafe 4: Misturar diversos ritos na celebração

" A questão dos ritos é muito delicada, pois ela coloca a cerimônia dentro de um manual", explica Isabela.

"Se aquele rito tem a ver com o casal, ele deve ser incluído, mas existem celebrantes que acham bonito o rito das areias, do vinho e acabam misturando tudo numa só cerimônia."

"Então a celebração acontece com vários ritos e poucos significados, a história não casal acaba não sendo contada da melhor forma, pois não dá tempo, você só fez vários ritos!"

Outra questão delicada mencionada por Isabela é a presença da Bíblia. Muitos casais realmente desejam ter a Bíblia nesse momento, mas outros podem se sentir desconfortáveis. Portanto, cada casal é único e suas crenças e não crenças devem ser respeitadas.

Gafe 5: Mencionar os "futuros filhos"

Inicialmente propomos à Isabela comentar sobre as quatro gafes anteriores. A última seria a que ela gostaria de acrescentar. Sua resposta? "Filhos!"

"Muitos celebrantes mencionam os futuros filhos durante a celebração. Mas isso é muito delicado! Precisamos saber antes qual é a história do casal!"

"Muitos casais realmente querem formar uma família grande, mas outros não querem e você cria uma regra para um casal que não pretende seguir aquele caminho".

CONHECER OS NOIVOS. Para Isabela essa frase é essencial para que não surja nenhuma das gafes citadas acima.
"Eu sempre pergunto se tudo bem falar de Deus, se eles têm uma crença, se eles são budistas, católicos e se eu posso mencionar passagens da Bíblia, tudo é sempre personalizado."


Gostou do post de hoje? Qual gafe você já presenciou? Conta para a gente!

Share Post.

00

00

00

00

Tags.

#cerimônia

AUTOR

Ana Paula Motta Rabelo

Redação

Deixe Seu Comentário.
Publicidade

ANTERIOR

Vestidos Com Saias estruturadas & Decotes em V: Coleção Berta 2020

PRÓXIMO

Destination Wedding em Riviera Maya!